18 de ago de 2011

“Roupa colorida, é restart. Roupa preta, é deprimido. Roupa justa, é puta. Cabelo de lado, é emo. Cabelo loiro, é patricinha. Cabelo vermelho, é gótica. Cabelo curto, é lésbica. Magra demais, não pode. Gorda demais, não da. Alta demais, é feio. Baixa demais, é pior. Inteligente demais, é nerd. Foi reprovada, é burra. Estou mais do que cansada de rótulos ridículos.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário